Notas sobre a guerra (post fixo)

Conflito põe mundo sob apreensão e diferentes narrativas / Reprodução

Guerra e sucessão (2/3)
Com potencial de redesenhar a geopolítica mundial, dependendo da extensão do conflito e atores globais envolvidos, a por ora chamada guerra Rússia-Ucrânia já está impactando a sucessão presidencial. E já começa a ficar claro quem tem perfil de estadista, com preparo e visão pragmática e quem considera que a ideologia rasa e amiguismo idem podem ser norteadores do futuro de uma nação.

Rússia, OTAN e ONU (28/2)
Apreensivo sobre os desdobramentos da grave crise geopolítica instalada no Leste Europeu, com chances de se espalhar, o mundo se pergunta onde estavam a OTAN e a ONU, que permitiram que a situação chegasse onde chegou. Ou alguém duvidava dos planos de Putin? Até mesmo as instituições têm vida útil. Cumprem determinados ciclos. Parece que é o caso das duas em questão.

Guerra e fake news (25/2)
Na disputa política e na guerra, a primeira vítima é a verdade. A invasão russa à Ucrânia só veio a reforçar a tese. Realidade e ficção misturam-se de tal forma que é simplesmente impossível saber onde termina uma e começa a outra. E, em tempos de fake news, pós-verdade e milícias digitais, relatos falseados são elevados à enésima potência. Ainda mais quando estão envolvidos tantos interesses e países que ensinaram ao mundo como invadir sistemas, espalhar mentiras e alimentar boatos. A história nunca foi tão passível de versões e subjetivismos.