Eunício de volta ao jogo

Da Coluna Erivaldo Carvalho, do jornal O Otimista, desta quarta/22:

Emedebista presidiu o Congresso Nacional nos anos de 2017 e 2018 / Jefferson Rudy/Agência Senado

Reconduzido à presidência do MDB no Ceará, o ex-senador Eunício Oliveira faz planos de retornar ao Congresso Nacional. Desta vez, para a Câmara dos Deputados, onde esteve por doze anos – de 1999 a 2011. O emedebista está sem mandato desde o início de fevereiro de 2019, quando, sem conseguir reeleição, passou a cadeira para o então vitorioso Eduardo Girão (Podemos). De lá para cá, o cenário mudou muito. Em âmbito nacional, Eunício viu surgir a polarização entre o presidente Bolsonaro e o ex-presidente Lula – este à época inelegível. Era início de uma nova Gestão Federal, com muitas caras novas, tanto na Praça dos Três Poderes quanto na Esplanada dos Ministérios.

No Ceará, o ex-senador assistiu, em 2020, a mais uma demonstração de força do grupo cirista, na corrida por prefeituras municipais no Estado. Particularmente, em Fortaleza, onde José Sarto (PDT) bateu Capitão Wagner (Pros). Foi uma vitória pessoal de Roberto Cláudio (PDT), apontado pelo próprio emedebista como seu algoz, em 2018. Desde que Eunício deixou de ser presidente de um dos Poderes da República, o terreno da política ficou ainda mais movediço. Seus aliados de outrora podem não ser mais os mesmos. Seus conhecidos adversários parecem mais fortes. Na planície, começará de novo. No Planalto Central, onde é bem relacionado, poderá voltar ao jogo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.