A falta de diálogo entre Mourão e Bolsonaro

FOTO: EVARISTO SA / AFP

O vice-presidente Hamilton Mourão disse, em entrevista à CNN, sentir falta de ter diálogo mais frequente com o presidente Jair Bolsonaro. Segundo ele, hoje as conversas são espaçadas, o que o impede até mesmo de saber como agir.

Mourão afirmou que pode haver uma reforma ministerial depois das eleições no Congresso, e avisou que o Ministro das Relações Internacionais, Ernesto Araújo, pode ir para a rua.

Com os olhos em 2022, o vice-presidente afirmou que considera “difícil” Bolsonaro convidá-lo para ser candidato a vice em sua chapa. Mourão, que é filiado ao PRTB, disse que foi convidado para migrar para outro partido, mas preferiu não citar nomes.

“Não sou vice decorativo” disse Mourão diante das reclamações. Hoje, o vice-presidente coordena o Conselho da Amazônia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *