Com alianças ainda em aberto, Capitão Wagner prestigia aliados do Podemos

Senador Eduardo Girão, Capitão Wagner, General Theophilo e Fernando Torres: ideias para Fortaleza / Divulgação

Principal pré-candidato da oposição na disputa pela sucessão do prefeito Roberto Cláudio (PDT), o deputado federal Capitão Wagner (Pros) corre contra o tempo, com todos os esforços, para atrair partidos relevantes para seu palanque.

Até agora, além da própria legenda, estão garantidos o Podemos, Avante, PSC, PMN, PTC e PMB.

É uma composição irrisória, tendo em vista a força da coligação governista, liderada pelo PDT, juntamente com PSD, PSB, Cidadania, PCdoB e PV, para citar alguns.

Isso explica o prestígio que partidos aliados, como o Podemos, vem usufruindo junto ao Capitão.

O partido, presidido no Ceará pelo engenheiro Fernando Torres, elaborou e entregou ao pré-candidato do Pros propostas de seus doze núcleos temáticos.

São ideias voltadas para educação, sustentabilidade, segurança; economia, empreendedorismo e inovação, social, cultura, justiça social, esporte, jovem, mulher, saúde e diversidade.

Outras forças políticas estão na mira do Capitão – o PSDB e o DEM, por exemplo -, embora estas sejam possibilidades cada vez mais distantes.

Entretanto, enquanto o desfecho não acontece, faz parte do script dar atenção a quem já está no arco de aliança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *