De olho na própria sucessão, RC reabre canteiros de obra em Fortaleza

PMF: “maior conjunto de investimentos da história de Fortaleza” / Reprodução

Na esteira da estabilização e recuo dos indicadores da pandemia de Covid-19 na Capital, a gestão Roberto Cláudio anuncia a retomada de obras públicas no Município.

Entre as ordens de serviço, está a construção de um novo hospital Gonzaguinha do Conjunto José Walter, na Regional VI. A previsão de assinatura é dia 27 de junho.

Do outro lado da Cidade, na Regional II, será retomada a duplicação da Avenida Sargento Hermínio. Pelo cronograma traçado pela Prefeitura Municipal, a obra será concluída até o dia 31 de dezembro.

Já no Centro de Fortaleza, a Cidade da Criança passará por ampla reforma, com diversas modificações estruturais. A obra já está licitada.

Nessa primeira fase de reinício das obras, estão previstos ainda serviços de urbanização no Conjunto São Miguel, Granja Lisboa e Bom Jardim, entre outros. A gestão destaca as recomendações sanitárias que estão sendo adotadas.

Cauteloso quanto a gradual reabertura da economia – uma segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus forçaria a um recuo -, Roberto Cláudio vai, assim, retomando o Mais Ação.

Bilionário e autodenominado “novo e maior conjunto de investimentos da história de Fortaleza”, o programa espalhou centenas de obas públicas municipais – pequenas, médias e grandes -, por toda a Cidade.

Além das obras em si, que poderão ser capitalizadas, politicamente, a reabertura dos canteiros de obra por Roberto Cláudio injetará dinheiro na economia local.

Até antes da pandemia, o Mais Ação era a principal aposta do Paço para alavancar o candidato que tentará suceder o atual prefeito.

É mais uma vantagem competitiva do palanque governista, que poderá minimizar o mau humor do eleitorado em situações de pandemia e crise econômica, pelas quais passam o País, o Ceará e a própria Capital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *